Índice de séries

Ao longo dos últimos anos tive a oportunidade de escrever sobre diversos assuntos aqui no site. Cloud, arquitetura de software, frontend, backend, microserviços, eventos, carreira, enfim. Foram realmente muitos assuntos. Quando vários posts se tratavam de um tema específico (por exemplo, Kubernetes), optei por agupar os mesmos em ordem cronológica de modo que facilitasse o consumo das informações por parte dos leitores e chamei esse agrupamento de “Série”.

Com o passar do tempo, várias séries foram produzidas sobre os mais variados temas. Dessa maneira, para facilitar a busca de quem gostaria de estudar um pouco sobre os temas agrupados nas séries, optei por criar esta página. Ela agrupa todas as séries já produzidas aqui no site.

Dessa forma, fique a vontade e, bons estudos!

 


 

Séries

 

Kubernetes

O modelo de aplicações distribuídas tem ganhado bastante atenção do mercado de tecnologia nos últimos anos. Esta “atenção” se deve principalmente a popularização do conceito de computação em nuvem e claro, neste contexto, os containers emergem como atores principais. Se os containers são vetores importantes, tornam-se ainda mais críticos os gerenciadores de clusters de containers. Existem vários no mercado, dentre eles: Swarm, DCOS, Tsuru, etc.

Kubernetes é um robusto orquestrador para clusters de containers desenvolvido pelo Google. Por conta desta robustez, Kubernetes é atualmente o orquestrador que mais ganha popularidade dentre as empresas. Por conta desta popularidade, resolvi criar uma nova série de posts aqui no blog ensinando os conceitos fundamentais sobre Kubernetes. Se você se interessa pelo tema, é mais que bem vindo para acompanhar-me aqui.

Acessar

Arda

O Arda é uma ferramenta simples (e esperamos que ela continue sempre assim, mas sem abrir mão da eficiência) que faz gestão de workloads de times no ambiente corporativo. Note, não estamos falando de uma ferramenta de gestão de projetos, estamos falando de gestão de workloads em times, seja este time de desenvolvimento, de marketing, de suporte, de evangelismo ou de que natureza for.

Esta página será atualizada com todos os “lessons learned” do time de desenvolvimento enquanto o código fonte não for disponibilizado no GitHub. Se você quiser aprender um pouco mais sobre microserviços na prática usando ASP.NET Core + Containers, fique ligado nessa página.

Acessar

Comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *